Glauber Rocha será homenageado no IV FECIBA


O retorno da Mostra Homenagem é uma das novidades do IV Festival de Cinema Baiano – IV FECIBA, que acontecerá entre 1º e 7 de junho de 2014, no Cine Santa Clara, em Ilhéus, Bahia. Este ano, o tema do FECIBA é “A revolução vem do interior”.
De acordo com Edson Bastos, produtor executivo e curador dos filmes de longa-metragem e mostras especiais, “Penso que é um tema provocador, que nos leva ao debate, que permite nos aprofundarmos para dentro de nós, das nossas raízes, da nossa história, da nossa memória, como o FECIBA deve ser”.
Para Cristiane Santana, coordenadora geral, o legado do cineasta Glauber Rocha, grande homenageado desta quarta edição, sustenta ambos os sentidos mais evidentes de “interior”: tanto o geográfico, com relação ao interior do estado/país, tanto o íntimo do indivíduo.
Os filmes que serão exibidos na Mostra Homenagem do IV FECIBA serão “Terra em Transe” (1967), e “O Dragão da maldade contra o Santo Guerreiro” (1969), ambos de Glauber Rocha e ganhadores do Prêmio da Crítica do Festival de Cannes e do Prêmio Luis Buñuel na Espanha. 
O pôster do Festival também tem relação ao trabalho de Glauber: a imagem foi reproduzida tendo como referência a clássica cena do filme “Terra em Transe”. A execução da imagem foi realizada por Henrique Filho (direção e câmera), Victor Aziz (ator) e Kaula Cordier (confecção do pôster e de toda a programação visual).
A homenagem se estenderá à mãe do cineasta, Dona Lúcia Rocha. Falecida em 3 de janeiro de 2014, aos 94 anos, Dona Lúcia sempre lutou pela memória da obra de Glauber e pela conservação do acervo de filmes e imagens do filho.
A Mostra Homenagem e o tema do IV FECIBA propõem ao público a reflexão e o debate de fenômenos sociais que fazem aniversário em 2014: os 50 anos do Golpe Militar e os 30 anos das Diretas Já, bem como as manifestações de rua que aconteceram por todo o Brasil, no ano passado.
Além da Mostra Homenagem, cuja primeira edição ocorreu no II FECIBA, em exaltação à obra de Jorge Amado, haverá ainda as tradicionais Mostras: Atualidades, Retrospectivas, Bahia Afora, Bahia Adentro, Sexualidades, Infanto-juvenil, e Competitiva de Curtas. Esta última conta com 14 curtas que serão submetidos a voto popular e a avaliação do júri técnico.
O IV Festival de Cinema Baiano conta com o apoio financeiro da Fundação Cultural do Estado da Bahia (FUNCEB) por meio do edital Setorial de Audiovisual vinculado ao Fundo de Cultura da Secretaria de Cultura do Estado da Bahia (SecultBA) e realização do NúProArt – Núcleo de Produções Artísticas e da Voo Audiovisual.

0 comentários:

Postar um comentário

 

Flickr Photostream

Twitter Updates

Meet The Author