Moda para protesto!


É tendência, quer você queira ou não.

Há dias, os brasileiros entraram de cabeça na rota mundial dos protestos populares. Todos muito  inflamados pelo aumento das tarifas do transporte público

A semana já começa com uma agenda de manifestações por todo o país, nos próximos dias. A maior, novamente na capital paulista, está marcada para a tarde desta segunda-feira (17.06). E Ilhéus, não só para se unir com o restante do país, mas também por conta do sentimento de indignação pelo descaso ao transporte público, saúde e educação da cidade, PRE-PA-RA -anitta feelings- a 1ª manifestação livre e pacífica que está prevista para acontecer na quinta-feira, dia 20, às 14:00hrs com partida do Teatro Municipal de Ilhéus.

Inclusive, com uma agenda de reuniões antes da manifestação:
  
1. DIA 17 Segunda-feira, às 14:00 - Apresentação e Diálogo inicial
2. DIA 18 Terça-feira, às 14:00 - Reunião e Oficina de Cartazes
3. DIA 19 Quarta-feira, às 14:00 - Reunião e Encerramento do Bloco de Pautas 
4. DIA 20 Quinta-feira, às 14:00 - ATO PÚBLICO NACIONAL DO PASSE LIVRE

Acompanhe também no Facebook.

Pois, todos os detalhes já esclarecidos, agora é hora de manter a cabeça fria e pensar com calma na roupa que você irá usar. Você que pensa que isso é besteira, experimenta ir pra rua vestindo aquela camiseta cavadona ou aquela bermuda "tac-tel"... Mais que cores partidárias, pinturas no rosto ou máscaras fantasiosas, é preciso pensar em peças utilitárias para enfrentar a guerra - ainda que unilateral - e se proteger, por mais que todos queiramos uma manifestação pacífica.

BUT WAIT! To ligado que vocês irão ler a próximas palavras e pensar "AN? GÁS? BOMBA? A polícia de Ilhéus tem isso??". A resposta é: eu não faço a mínima ideia. E por isso mesmo to mandando as dicas aí prôces.

O tecido é o mais importante. Impermeáveis são uma boa defesa contra gás lacrimogênio, impedindo que o produto se prenda ao algodão e chegue à pele. Capas de chuva entram nessa lista.

Muito se fala em panos molhados com vinagre para diminuir os efeitos do gás. Nesse caso, quanto menos sintético o tecido, melhor. Leve camisetas, bandanas, pedaços de algodão, que seguram melhor a substância e também te ajudam a respirar. Acetinados, sedas e acrílicos não são tão eficientes.


Tecidos grossos ajudam a proteger a pele contra balas de borracha e estilhaços de vidro ou bombas de efeito moral. Pense em casacos grossos e jeans.


Quanto menos pele à vista, melhor - contra gás lacrimogênio ou spray de pimenta. Cubra o pescoço e os braços para minimizar a química nas terminações nervosas.


Conselho mais que óbvio: use calçados confortáveis. Se tudo der certo, você vai andar muito. Se algo der errado, você pode ter que correr. Em ambos os casos, o que vale é a sua segurança.


Deixe acessórios em casa - brincos, colares, piercings -, para evitar acidentes. Mas pense em algo para proteger os olhos.

É isso. Nos vemos nas ruas.



0 comentários:

Postar um comentário

 

Flickr Photostream

Twitter Updates

Meet The Author